Avançar para o conteúdo

Serra da Estrela no Natal

Atreva-se a visitar a Serra da Estrela neste Natal e fique a conhecer a hospitalidade das suas gentes, a qualidade dos seus produtos, a riqueza da sua gastronomia, a diversidade da sua arte e a magia do Natal – das tradições centenárias aos eventos contemporâneos, das luzes à música, dos presentes aos presépios, do descanso às refeições

A Serra da Estrela é mais conhecida pela neve, mas existe muito mais. Em alguns meses de inverno, o parque natural fica coberto de branco por quilómetros.

Esta cobertura de neve é ​​quase sempre acompanhada por temperaturas abaixo de zero, às vezes até abaixo de 10 graus negativos.

Esquiar na única estância nacional

Portugal é um país com uma costa enorme e por isso praias, praias, praias. Alguns são até visitados no meio do outono ou início da primavera. Mas se pensa que em Portugal só existem atividades típicas de verão, engana-se.

Na Serra da Estrela encontra a única estância de esqui em Portugal com nove pistas entre os fósseis dos vales glaciais num total de quase 8 km de extensão. Aqui pode praticar desportos de inverno, como esqui ou snowboard.

No Cabeço, a Aldeia de Natal

Durante o Natal na Serra da Estrela, a aldeia do Cabeço transforma-se numa Aldeia de Natal, com quase um mês de espírito natalício, enfeites feitos à mão e outras decorações ecológicas.

Esta Aldeia de Natal na Serra da Entre outras coisas, a Estrela é um evento sustentável: luzes são usados ​​para iluminar as ruas com cores vivas, decorações são feitas com materiais naturais – principalmente derivados de ações de limpeza e desbaste florestal – e o consumo de plásticos e materiais sintéticos é mínimo.

Natureza e paisagens em estado puro

A Serra da Estrela, reserva natural, parque natural criado em 1976, alberga uma natureza bem cuidada e preservada, sem igual no nosso país e no mundo.

Com fauna e flora características, a Serra da Estrela presenteia os seus visitantes com belas paisagens, nasceres e entardeceres de cortar a respiração, mas também relevos de proporções colossais como o Cântaro Magro. Também aqui nascem três rios: o Zêzere, o Alva e o Mondego.

Sabugal, presépio

O Castelo das Cinco Quinas acolhe pela segunda vez o presépio natural e, a entrada no presépio faz-se pela primeira vez pelo interior do castelo, com uma linha do tempo que transporta o visitante até ao século

3.9 / 5. Votos: 12

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este posto.

Partilhar este artigo