Avançar para o conteúdo

Dias felizes

Casaram faz um ano, cada vez que os vejo estão de mãos dadas, sorriso no rosto e olhar carinhoso.

Vejo-os muitas vezes, no jardim, no café, pelas ruas do bairro.

Conhecem-se há uma vida, brincaram em crianças, ainda namoriscaram em miúdos, a vida separou-os.

Casaram, tiveram filhos e foram felizes, separados por muitos quilómetros, que ao fim de sessenta e poucos anos de vida, se encurtaram.

Quis o destino que após terem ficado viúvos acabassem no sitio que os viu nascer.

Re-apaixonaram-se e casaram, vivem dias felizes, pelas ruas e jardins do bairro.

0 / 5. Votos: 0

Nenhum voto até agora! Seja o primeiro a avaliar este posto.

Partilhar este artigo